domingo, 20 de março de 2011

À você que me esqueceu


É dificil acreditar
Que você me esqueceu,
Já que tantas "aventuras"
Comigo, afinal, viveu.

Olhando a tua foto,
A ausência domina o peito,
Que triste ver acabado
O que nem começou direito.

Talvez, para você
Eu devo ter morrido,
Se te cumprimento na rua
Me sinto um desconhecido.

Quem sabe algum dia
Eu possa te entender
E à você que me esqueceu,
Estou tentando te esquecer

Antonio Romário de Sousa Braga.
Pentecoste/CE - 2009

(Poesia protegida pela Lei de Direitos Autorais)

Nenhum comentário: