domingo, 20 de março de 2011

Encontro ardente


Esperei tua chegada
Com ânsia e desejo
Pra te dar um longo beijo
E dizer que és minha amada,
Você entrou perfumada
Linda como pensei,
Entre beijos te dominei
E minha blusa foi tirando,
Um desejo foi pintando
E para a cama te levei.

O quarto pouco iluminado
E a cama bagunçada,
No chão, a roupa jogada
E eu contigo abraçado.
Teus gemidos de agrado
Me fizeram enlouquecer
E me entreguei ao prazer
De teu corpo delirante,
Foi um momento marcante
Que nunca vou me esquecer.


Antonio Romário de Sousa Braga.
Pentecoste/CE 2011

(Poesia protegida pela Lei de Direitos Autorais)

Nenhum comentário: